Páginas

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Atenciosamente

Por meio deste, venho comunicar que, por motivos pessoais, o blog está encerrado. Não haverá mais postagens a partir de hoje, porém, ele continuará na rede, sendo possível ter acesso a ele.
Sem mais, me despeço de todos vocês e agradeço aqueles que me apoiaram por esses dois anos.
Um grande abraço,

Alice Neves.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

É preciso

É preciso registrar-se;
É preciso exportar a soja;
É preciso importar a moda;
É preciso amar os animais;
É preciso não ser sincero com os seres humanos.

É preciso respeitar as diferenças;
É preciso ouvir boas músicas;
É preciso ser fã do Nirvana;
É preciso detestar o Luan Santana;
É preciso tentar.

É preciso ter alguém do lado;
É preciso ver a novela das nove;
É preciso ser alguém;
É preciso ter caráter;
É preciso não ter papas na língua;

É preciso acreditar no fim do mundo;
É preciso escrever;
É preciso parar;
É preciso ter algo preciso;
Porque, aliás, é preciso!

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Sem palavras

Já não há mais nada para escrever, porque já não há mais uma história! De um dia para o outro, as coisas se tornaram vazias, em branco! É como se eu encontrasse uma página em branco no meio de um livro. O pior de tudo são as emoções... Elas foram embora! Às vezes, parece que para um mundo estranho. E o pouco que ainda consigo sentir, é incontrolável. Já não se tem amor, não se tem paz, felicidade, talvez...
As coisas acabaram tão depressa, que nem sei se houve tempo para viver tudo. Mas acabou. Foi bom e acabou! Resta esperar que as palavras surjam, que a inspiração apareça e começar a escrever mais uma estória!


sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Aquele que não tem um título

Eu não sei como começar,
Assim como também não sei quando isso começou.
Eu deveria estar longe daqui,
Mas criei em você, a coragem de voltar para o meu lugar.

Eu criei expectativas demais,
A dor também foi grande, mas aprendi com ela.
É melhor se decepcionar com quem se ama,
Do que com quem acabou de conhecer.

Ainda que tenha sido da maneira errada,
Ajudou a ensinar a forma certa.
Ainda que se tenha enganado,
Ajudou na percepção.

Cada dia que passa, o coração se acalma.
Cada noite mal dormida, uma nova ideia.
Cada gota de chuva no telhado, uma melodia.
Cada novo sentimento e emoção, uma nova pessoa.

sábado, 27 de outubro de 2012

Como uma luz...

Como uma luz
no fim
do
túnel.

Caminhando pelas mesmas
estradas que
eu.

Compreendendo cada passo,
mas nem
sempre.

Compulsivamente comecei a
sonhar, mesmo
sabendo que
terá
dor
no
final.

Já faz algum tempo

Há quantos dias eu esperei por isso, algo assim, que mudasse o caminho que as coisas resolveram seguir. Logo agora, que tudo estava conturbado, as pessoas precisam ir, antes mesmo que encaixá-las na minha vida. Quantas vezes ainda terei que me despedir das pessoas que eu amo? Quantas vezes ainda vou chorar de saudade? Não vamos olhar para trás, porque sempre vale a pena acreditar que existe um futuro melhor. Algumas pessoas nem percebem sua importância na vida das outras, já outras, percebem e mesmo assim continuam indiferentes. "Diferença", essa palavra é o princípio-motor de todos os sofrimentos e alegrias. Mas uma coisa é certa: não dá para sofrer o resto da vida! Mesmo que sejam momentos difíceis, é preciso saber superá-los, torná-los aprendizado. Agora chega de mensagens como essa! Esse é o fim, o fim de um pesadelo!


quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Espaço vazio

É um espaço vazio,
cheio de medos.
Algo inexplicável,
que consigo escrever.
É tanta falta,
sem nenhuma saudade.
É um frio,
como nos dias de sol.
Algo que me fez lembrar,
coisas que ficaram lá atrás.
Era um espaço vazio,
mas tão cheio de nada
que acabou se desfazendo.

sábado, 29 de setembro de 2012

Se foi

Com tanto obstáculo no meio do caminho fica difícil tomar alguma decisão. Foi uma fase ruim, mas agora acabou... Você já sabe que nada voltará, mesmo porque, não era tão verdadeiro assim. Mas, acreditar demais também não é certo, as coisas devem acontecer espontaneamente. Não sei se virá algo melhor, mas eu acredito que sim. Novas pessoas, novas amizades, novos sonhos, novas conquistas, novos lugares...
É dessa forma que devemos acreditar. As coisas não são tão difíceis quanto parece, e criar problema em uma situação nem tão difícil não é o caminho certo. Acontece que acabou e eu descobri que as coisas são mais fáceis do que eu pensava.
Acreditar que sofreu demais também é um erro. Isso não é coisa de se orgulhar nem querer exibir, pois acontece com todo mundo e todos encontram uma solução. Sim, você errou, mas isso é só mais um item da sua vida. Agora que está tudo longe, e que ficou para trás, construa um novo caminho, uma nova vida!

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Eu não pensei que fosse assim

É tão estranho... Logo eu que não gosto de julgar as pessoas pela primeira impressão, afirmei algo antes mesmo de conhecer e me decepcionei mais uma vez. O mundo ao meu redor é cheio de prepotência e orgulho. Eu não conseguia enxergar isso antes, eu acreditava que você poderia ser amiga das pessoas que te fazem bem, mas não, você não pode! Elas acham que você quer algo a mais, seja material ou... Não sei exatamente como descrever isso, poderia parecer indireta, mas não é, é só mais um desabafo, depois de tantos... Como aqueles...
Não era isso que eu queria! Eu queria apenas amigos, colegas, chame como quiser, mas só! Eu não penso em nada mais que isso... É tão difícil entender que nem todo mundo é igual? Nem todo mundo tem as mesmas ambições. Logo eu que estava em um momento frágil, fui logo acusada de ser indiferente aos meus próprios sentimentos? O que aconteceu? Ainda existem valores nessa sociedade?
Decepção nem é a pior coisa, pois isso ainda é natural, o problema maior é se sentir retraída diante de algo que você não ousou sequer pensar. Ser acusada de algo que não fez é injusto demais de acordo com meus padrões de justiça. Julgar quem você nem conhece, com quem você trocou apenas algumas conversas é tentar adivinhar o que não pode.
Se realmente estiver direto demais, fale comigo, não com as outras pessoas. Só eu sei quem sou e o que sinto. Não existem intermédio entre nossas palavras, pelo ao menos não até onde fui. Desconheço outros lugares e, por isso, não estou apta a discorrer sobre isso. Mas faça como quiser, para mim não fará diferença alguma, é apenas menos um para poder contar.
Fases ruins também passam e é só nisso que quero acreditar agora. Eu descobri que sou capaz de muita coisa que não sabia e de que não precisamos de tanta gente assim, como eu imaginava. Amigos de verdade completam espaços que nem mesmo um milhão de pessoas completariam!


sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Vanguarda emocional

Renovações, 
transformações, 
confissões. 

Conclusões,
decepções, 
emoções.

Mudanças,
esperanças,
desconfianças.

É apenas mais uma
vanguarda emocional!


domingo, 9 de setembro de 2012

O brilho

Não deixe que a dor apague o seu brilho,
faça de cada dia um dia melhor em sua vida,
se o que foi seu foi bom
é sinal de que você foi feliz
e fez as escolhas certas.

A dúvida que hoje te corrói
é o aprendizado de amanhã.
Não se sabe se é certo ou não,
pois não se tentou de outra forma.

Tudo que viveu, bom ou ruim
faz parte da sua vida e só cabe
a você se julgar.

Nunca deixe que o medo
fale mais alto que os seus sonhos,
pois você pode ir longe.

Agora pegue tudo isso
que leu e aprendeu
e acredite que é real!

sábado, 8 de setembro de 2012

Uma carta ao amor

Eu não podia deixar que as lembranças morressem! É melhor acabar com algo que foi tão bom do que deixar que isso terminasse com rancor. Sofrimento, lágrimas, dor... Isso faz parte, isso passa, mesmo que demore, passa! Não podia tratar com migalhas um homem que me deu todo seu amor. Não podia fazer sofrer quem me fazia sorrir. Hoje, é ruim, amanhã também pode ser, mas ontem foi tão bom, tão feliz,
tão lindo! Foi a melhor recordação de toda essa adolescência enclausurada. Foi bonito e isso que importa!
Foi verdadeiro e real! Se for para ser de novo, será. Agora eu tenho que abrir as minhas próprias asas,
tenho que reavaliar tudo que fiz e principalmente, o que deixei de fazer. Tempos melhores virão, eu acredito nisso. As diferenças falaram mais alto... Talvez seja assim para sempre... Talvez eu só precise me encontrar para poder me entregar de novo. Não podia ser um amor pela metade! Só o tempo vai dizer, só o tempo...
De qualquer forma, é melhor chorar de saudade de algo bom, do que chorar de rancor e ódio. Foi um fim horrível, eu sei, mas foi um fim com amor, com carinho e com esperança. Se for amor de verdade, vai voltar, se não for, encontraremos alguém bem melhor em nosso caminho. Mas nunca se esqueça de que eu te amei de verdade e por isso te quero bem, não posso te levar comigo num caminho tão escuro e confuso. Essa dor não é maior do que o amor e as lembranças que ficaram! Cada abraço, cada beijo, cada carinho, cada imagem do seu sorriso ao meu lado vai ficar no meu coração e é disso que quero me lembrar, é isso que vai servir como apoio para eu crescer. É isso que me fez bem!

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Título para que?

E eu peço tanto
que chova nos próximos dias,
que a chuva leve com ela
todas as minhas alegrias.

Peço que a chuva
leve toda essa agitação
e traga com ela calmaria
e uma nova vida.

Mudar de estação
é tão mais fácil que mudar
de opinião...

Ahhhh, sinceramente
já passou da hora de mudar,
me libertar de tudo isso
que me faz tanto mal!

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

O Ipê Amarelo

Logo aquele belo Ipê Amarelo terá que ir embora da minha vida, mais uma vez.
Exatamente quando está tudo estagnado e bem, surgem daqueles galhos secos as mais belas flores que já vi, e tornam-se incalculáveis diante de todo aquele aroma que me atrai, que me faz perder os sentidos e me leva à loucura.
Não posso deixar que o seu perfume me envolva, pois depois será tarde demais.
O pior de tudo é saber que passei três estações esperando por ele, mas agora sei que ele deve partir, suas flores já passaram da hora de cair.
Oh Ipê Amarelo, porque trouxeste contigo tantas indecisões e conturbações?
Por que me deixaste sofrer por algo tão fútil, que nem merecia minha atenção?
Eu deveria ter cuidado melhor da minhas obrigações e te deixado de lado, mesmo com sua beleza exuberante diante da minha janela, todos os dias.
Mas agora, eu vou mudar: SAIA LOGO DA MINHA VIDA ANTES QUE VOCÊ ME DEIXE LOUCA!
Ó céus, como pude ser tão tola? Mesmo não acreditando nesse sentimento, que na verdade nunca poderá existir, ainda criei esperanças dentro de mim, para que pudesse continuar e escrever uma história.
Se cheguei até aqui, é apenas uma prova que já fui longe demais.
É melhor parar enquanto é tempo.
É preciso parar enquanto é tempo.
É preciso me afastar de você.
É preciso que você vá embora.
É preciso que as flores caiam...


terça-feira, 24 de julho de 2012

Chorar

Chorar não precisa ser de tristeza ou de felicidade.
Chorar é simplesmente lavar a alma,
levar as impurezas,
as mágoas
e as incertezas.
Pode ser também que algo mude,
mas o destino já está escrito,
também pudera que tudo isso
fosse azar.
A própria palavra já não se
encaixava na situação.
Uma mente reprimida, um coração apertado
e um sonho basicamente esquecido,
porque nada disso tinha importância
alguma para os grandes chefes,
os donos da "razão".

Dez motivos para não ir à Copa do Mundo no Brasil

Motivo número 3 - O caos dos aeroportos brasileiros


     "Voo atrasado", "voo cancelado", eis as frases mais comuns nos aeroportos brasileiros. A estrutura da aviação civil no nosso país não é nada boa. Em todos os feriados prolongados e férias é a mesma coisa: um caos completo nos aeroportos. Se não conseguimos atender às necessidades internas do país, como será quando recebermos grande massa de estrangeiros? Sem contar, que a quantidade de voos internos irão aumentar significamente.
     Aumentar o número de voos e a quantidade de aeroportos não resolverá uma questão basicamente administrativa de um dia para o outro. E também, essas medidas deveriam ser tomadas não para atender aos estrangeiros, e sim a nós mesmos. É incrível como agora tudo vai melhorar, mas não para os brasileiros e sim para atender bem quem vem de fora.
     Isso tudo sem contar as bagagens extraviadas... Esse problema está cada vez mais frequente nos voos. Nem segurança das suas próprias malas você tem! A situação é calamitosa!!!
     Dessa forma, fica cada vez mais instável uma simples viagem de avião, mas isso não implica em nada nas viagens de nossos políticos, porque eles têm dinheiro suficiente para manter um jatinho particular, mas nem todo brasileiro pode se dar esse luxo.





terça-feira, 17 de julho de 2012

Dez motivos para não ir à Copa do Mundo no Brasil

Motivo número 2 - Não temos estrutura interna suficiente para nossa população, como poderemos receber milhares de pessoas em um evento que consumirá milhões do nosso bolso?


    Saúde, educação e segurança são itens indispensáveis para a vida de qualquer ser humano nos dias de hoje, mas como sabemos bem, nem todos os brasileiros podem contar com isso. A educação cada vez mais degradada perdeu importância do ponto de vista de muitos políticos e até mesmo de grande parte da população. Já não é comum ver um jovem que tenha gosto de aprender coisas novas a cada dia.
    Medicina se tornou curso superior para ganhar dinheiro, porque profissionalismo nessa carreira é para poucos, o importante é ficar milionário, mesmo que isso custe vidas. Os hospitais não contam com leitos suficientes para todos os doentes, e muitas vezes se encontram em estado de calamidade, devido a falta de higiene, algo indispensável a um lugar que é contaminado por todos os tipos de vírus e bactérias todos os dias.
     E a segurança? Algum de vocês se sente seguro ao sair as ruas ou até mesmo dentro de suas casas? Na verdade, o Brasil é um dos países mais debilitados nesse aspecto. Vários assaltos, mortes, estupros e violências em geral são constatadas todos os dias. Aqui bandido fica solto, até mesmo no Planalto Central, enquanto trabalhadores se refugiam como podem e lutam pela sua sobrevivência.
     Não podemos fechar os olhos para tudo isso! Grande parte do dinheiro dos impostos que pagamos todos os dias e que poderiam ir para a educação, saúde e segurança, vão agora para a construção de estádios, que como toda obra do governo, desviará dinheiro para o próprio bolso deles.
     Já passou da hora da população brasileira deixar de ser tão idiota e se preocupar com o país. Não é algo particular, é algo em conjunto, que pode modificar o destino de cada um de nós, que pode fazer surgir novas oportunidades para nossas vidas.
     Futebol é bom, mas até onde ele pode ser priorizado? Muitas pessoas estão morrendo todos os dias, isso deveria ser mais importante... Não devemos deixar o esporte de lado, mas um jogador ganha por mês o que muitas famílias não ganham durante toda a vida.
    O erro está em quando deixamos de nos preocupar com vidas e ficamos atentos aos lances de cada jogada. E é isso que o governo faz com o povo: UM JOGO, onde nós ficamos nas arquibancadas assistindo e eles jogam com nossas vidas, e para isso, recebem milhões e milhões a cada jogo. Até quando vamos ficar sentados sem fazer nada?


Imagem: http://digus.com.br

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Ele

Ele se declarou todas as vezes, e sim, se deu mal em todas elas. Ele foi romântico o quanto pode e ninguém ligou para isso. Ele desenhou todo o seu amor, que acabou guardado no fundo de uma gaveta qualquer. E mesmo assim, ele ainda persistiu, mas nada passou de tentativas frustadas. Ele nem se quer pensou que poderia se machucar tanto, mas isso também não era empecilho para ele, porque só não queria machucar ela. Ele não quebrou nenhum pedaço desse amor, isso foi ela quem fez mesmo, mas depois, ela queria juntar todos esses pedaços e transformar em um amor ainda maior, mas isso não foi possível, ele já trilhara outros caminhos e ela não fazia mais parte de nenhum deles. Ela se arrependeu de todas as suas decisões, mas agora já era tarde demais. Ele já tinha ido buscar em outros lugares a mulher que precisava para ter ao seu lado. Sua busca ainda continua... Se seu sofrimento acabará agora, ainda não sei... Mas ele irá encontrar alguém que ainda o faça muito feliz!


sexta-feira, 13 de julho de 2012

FELIZ DIA DO ROCK

Não precisa ser roqueiro desde a infância, nem tê-lo como estilo preferido, o Rock simplesmente marca a história, e não é a toa que é o único estilo musical a ter um "dia mundial" tão comemorado.
Aproveite esse dia para tocar, ouvir, se divertir, além de impor a sua opinião, porque é esse o principal objetivo do Rock. Lute por uma sociedade melhor, lute pelos seus sonhos, lute pelo seu amor.

E VIVA O ROCK!!!!


sábado, 7 de julho de 2012

terça-feira, 3 de julho de 2012

Uma vida em segredo: Efemeridade suficiente

Uma vida em segredo: Efemeridade suficiente: Às vezes é difícil pensar que o tempo passa tão rápido e tudo o que eu construí acabará. Mas, pior que pensar sobre essa passagem tão tempo...

segunda-feira, 2 de julho de 2012

"Eles"

Eles queriam me parar,
eles quase conseguiram me desligar,
mas não deixei que falassem por mim
e preferi que continuasse assim.

Eles vieram me falar
que nada vai mudar,
mas eu não acreditei
e não desisti do que sempre sonhei.

Eles tentaram me atormentar,
eles quase me fizeram gritar,
mas eu respirei fundo antes de decidir
que eu preferia sorrir.

Eles me mandaram embora
e eu preferi seguir.
Antes trilhar um bom caminho
do que manter status para si.


domingo, 24 de junho de 2012

HOJE É DIA DE FLORENCE AND THE MACHINE!

Hoje quero falar dela, da nossa diva perfeita Florence Welch e seus músicos! Uma combinação de Soul, Indie e Folk vinda de Londres e que tem agitado o mundo! Uma das maiores revelações britânicas até hoje!
Sem dúvidas, ela ganhou um lugar muito especial na minha playlist. Essa mistura de ritmos era exatamente o que estava procurando fazia tempo... A mídia não tem deixado muito espaço para artistas tão diversificados, o que vemos é um POP e Sertanejo "cru" que nos deixam cada vez mais decepcionados com o rumo que a música mundial está tomando.
Entretanto, só o fato de ela conseguir entrar na mídia e ser admirada por tantos, em tempos tão "difíceis" já me chama muita atenção! Espero que o sucesso dela continue por muito tempo e que essa essência permaneça durante toda a carreira dela!

Para saber mais sobre ela, acessem: http://www.florenceandthemachine.net/





sexta-feira, 15 de junho de 2012

domingo, 10 de junho de 2012

Dez motivos para não ir à Copa do Mundo no Brasil

Motivo número 1 - Como uma nação que ainda não aprendeu a respeitar a própria cultura poderá receptar pessoas do mundo inteiro com respeito?

Povo brasileiro... Mais conhecido como povo acolhedor! Quem nunca ouviu dizer que nós brasileiros somos extremamente acolhedores e carinhosos que atire a primeira pedra, mas nós sabemos que nem sempre é assim. Como uma nação que ainda não aprendeu a respeitar a própria cultura poderá receptar pessoas do mundo inteiro com respeito?
Um dos temas mais discutidos nas redes sociais nos últimos tempos é o que é melhor: ROCK ou FUNK? Isso tem gerado tantos conflitos, até mesmo nas salas de aula, porque nenhum dos dois lados sabem aceitar que ambos estilos fazem parte da nossa cultura, do nosso Brasil! E isso não acontece só com esses dois estilos musicais, mas sim com todos os estilos de vida da nossa população.
Casos de homofobia também são registrados diariamente em nosso país, ainda não atingimos um grau de "humanidade" necessário para respeitar nossos semelhantes. A violência está presente em todos os lugares, o que inclui os estádios de futebol também.
Quero ver é o povo contando piadas de portugueses para os habitantes de Portugal! Aliás, eles são tão "burros" que vieram colonizar logo o nosso país! Deve ser por isso que nós também temos um cérebro tão pequeno, não é mesmo? Como pode um país que trocou espelhos e canivetes por toda a sua riqueza dizer que somos intelectualmente superiores aos portugueses? Chega a ser difícil de compreender...
Quero ver também como as americanas, alemãs e italianas reagirão ao ouvir as famosas "piadas de loira"... Provavelmente adoramos ser "burras" também, porque a tinta para cabelos amarelos é a mais vendida do mercado! Na verdade, gostamos mesmo é de ser hipócritas.
Isso tudo é porque ainda nem citei os constantes conflitos internos ligados a religião! Ainda não aprendemos a dizer UMBANDA no lugar de MACUMBA, ainda não aceitamos os ateus, os budistas e muito menos respeitar quem trate a vaca como um animal sagrado. Provavelmente mandaremos uma pessoa Wicca pegar uma vassoura e sair voando, certo?
Será que é tão difícil de aceitar as pessoas como elas são? Não existe diferença entre negros e brancos, cristãos e ateus, homens e mulheres, heterossexuais e homossexuais, faxineiras e médicas, pedreiros e engenheiros, brasileiros e africanos... Somos todos SERES HUMANOS, feitos de carne e osso.

Todos os seres humanos possuem essa mesma fisionomia.

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Nostalgia

E o tempo passou,
a brisa ficou
e a água voltou!

O calor se perdeu,
a dor venceu
e o caminho nunca mais apareceu.

Nostalgia agora,
palavras depois...
Sem poder dizer,
agora tenho que escrever
e esperar tudo acontecer.



sábado, 5 de maio de 2012

Erros de gravação...

Com apenas três dias após o lançamento de "Addicted to you", Shakira já se sente satisfeita com o sucesso que o videoclipe está fazendo. Entretanto, ontem ela postou a seguinte mensagem na rede social Twitter:


Hahaha!! That's too funny. U guys have eagle's eyes! Next time I'll be more careful with the camera man (1'53") Shak


"Hahaha!! Isso é tão engraçado. Vocês têm olhos de águia! Da próxima vez tomarei mais cuidado com o câmera!"


O que aconteceu foi que a 1'53" do vídeo, a mão do câmera apareceu no vídeo, quase despercebida:



O pior de tudo é que o portal de notícias G1 divulgou uma informação completamente descabível!

(Tamanho editado, para caber.)

A transparência da roupa da colombiana não tem nada a ver com o que aconteceu, e ainda postaram a imagem errada, porque o problema, como já disse anteriormente, está a 1'53".



terça-feira, 1 de maio de 2012

A morte completa maior idade

Há exatos dezoito anos atrás, o Brasil perdia não só um atleta, mas sim, um dos maiores cidadãos brasileiros, que mesmo em momentos de crise, levantava bandeira do país com muito orgulho!
Um exemplo a ser seguido por todos: humildade e caráter! É de pessoas assim que precisamos cada vez mais...
Que sua memória continue em nossos corações por muito tempo, para que possamos acreditar em nossos sonhos e nos inspirar cada vez mais!



Lembranças

     Já não são mais os mesmos amores. A vida trouxe várias mudanças, desde suas roupas aos seus animais de estimação, tudo mudou! Era tão bom poder se apegar a tudo. Você nunca pensava em ter que se desfazer das suas coisas favoritas, pensava que elas nunca iriam embora... Ahhh, ainda me lembro de alguma camiseta que pensei não poder viver sem, e aquele ursinho com o qual eu dormia todas as noites? Onde foi parar todas essas coisas? Por que agora eu tenho que perder esses valores? Já não posso mais dizer que não consigo viver sem o meu cachorro, ou então, que eu preciso vestir um short para que me dê sorte. Tudo isso agora é visto como algo errado, que não pode fazer parte de mim mais. Queria tanto ser aquela pessoa que ainda ficava em dúvida sobre qual roupa combinava melhor com sua boneca, mas bom mesmo era cobrir todos os seus bichos de pelúcia e nunca deixar nenhum deles sentir frio durante à noite.
     E tudo isso passou e agora está preso a um passado tão distante, algo quase intacto, sem marcas, sem dor, sem coisas ruins... Foi tudo muito perfeito, exatamente como contam os livros de história, mas acabou... E não volta mais, nunca mais. Daqui para frente é só desapego, mudança, rotina, essas coisas chatas que me contavam e eu nunca acreditei que pudesse existir. Hoje eu descobri que tudo acaba, tudo pode mudar. Amizades se transformam, ora crescem, ora se acabam. Animais morrem, pessoas se vão, preferências se trocam e assim por diante. Mas uma coisa que nunca poderá te deixar são as lembranças, as boas lembranças!



domingo, 22 de abril de 2012

*3

Às vezes é preciso dar um tempo para resolver seus conflitos internos... É isso que estou fazendo!

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Confesse!

A dificuldade de ontem
nem se compara 
a dificuldade de hoje.
Ou talvez seja 
a facilidade de hoje
que nem se compara
a de ontem.
Eu fui, enquanto você,
ficou.


Olhe nos meus olhos
e diga aquilo que 
você sente.
Tudo o que 
você sente.


Não pode ser tão fácil
quanto parece, mas 
confesso, eu gosto mesmo
é de complicar um pouco.


Confesse que você 
também tem medo,

confesse que você 
também tem medo,

tem medo da verdade.


Diga a verdade,
pensou em mim
enquanto estava
deitado esperando
o anoitecer.


Talvez eu não seja
a pessoa certa,
mas você nunca será
a errada.


Agora resta deixarmos 
acontecer, até tudo acabar!


Não deixe isso se perder, 
fale antes que seja 
tarde demais,
fale antes que seja
tarde demais.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

"Prefiro continuar distante..."


Não agüentei! Larguei o romance fictício e fui viver o da vida real. A agonia que me consumia nesse instante foi imensa. Mas a verdade abriu em menos de três segundos, estava tudo acabado, tudo mesmo! Agora é tarde, não adianta se fazer de vítima quando você é realmente a culpada. Não adianta tentar conseguir uma boa justificativa para esse tipo de traição.
Confiança se conquista, e eu acabei de quebrar uma das que eu mais amava, mesmo distante, mesmo passiva, mesmo em segundo plano, ela existia. Entretanto, além de ter feito tudo isso, eu acabei com algo que nem existia, que talvez existisse na minha cabeça, na vontade de ver as coisas darem certas, ou simplesmente, no meu egoísmo.
Isso de não querer ver os outros sofrerem só me faz sofrer ainda mais. Talvez eu devesse parar de me meter nos problemas que não me dizem respeito, porque eu não sou o centro do mundo, e as pessoas devem resolver os seus problemas sozinhos. Além disso, nada irá justificar o que eu fiz, o que eu faço e o que eu farei.
Tantas vezes me queixei do egoísmo alheio... Como nunca fui capaz de ver que quem era egoísta, na verdade, era eu mesma! Quantas vezes me queixei pelas amizades perdidas, sendo que eu mesma acabei com tantas... Me aceitar com tudo isso é realmente impossível.
E ainda ter coragem para dizer que fiz isso porque gosto de alguém? Isso me parece mais falta de caráter, e sim, da minha parte. O pior é saber que teria feito tudo da mesma forma novamente, mesmo magoando muita gente, mesmo me martirizando mais uma vez, foi graças a isso que eu enxerguei que o erro não estava no mundo, e sim, em mim mesma.
O pior de tudo é o preço que eu pagarei agora, esse sim será muito alto, mas eu mereço, aliás, eu merecia muito pior. Tanta confusão que eu mesma criei. Parece que eu não posso deixar as coisas fluírem naturalmente, tenho que dar um jeito de estragar tudo.
Para ser sincera, eu me cansei de mim mesma, não quero mais nada disso que eu achava que merecia, porque na verdade, eu nunca mereci. Tudo isso me faz pensar que cada vez menos eu olho para os sentimentos dos outros, infelizmente, no fundo eu só me preocupo comigo mesma.
Enfim, não há mais nada a se fazer, o estrago foi feito. Não quero o perdão de ninguém, nem a confiança, nem nada disso que eu dizia ter, fui muito hipócrita, isso sim! Só o tempo me levará de volta para o mundo, e por isso "prefiro continuar distante...".

quinta-feira, 5 de abril de 2012

But the best for you!


Nunca mais deixarei isso acontecer, porque você nunca poderá retribuir nem a felicidade nem a dor que eu senti. Tudo que você fez foi preencher esse seu ego vazio. Amizade de verdade não é isso. Amor é compreensão. Se você quer um brinquedo, eu não posso me fazer um, mas colocar um fim nessa história eu posso, aliás, já devia ter feito isso há tempo.
Todos nós nos machucamos muito, toda a dor nunca será reparada, mas brincar com fogo não é a melhor solução, prefiro ter caráter suficiente para enfrentar toda essa situação. Chega dessas infantilidades que não podem fazer parte de nós mais, é melhor escolher logo um caminho e seguir o horizonte. Nunca gostei de borboletas, muito menos de mudanças, a estagnação me fascina, prefiro saber onde estou pisando.
Mas como preferi complicar aquilo que poderia ser tão simples, agora tenho que aceitar todas as suas consequências, mesmo que uma delas seja perder tudo isso que construímos dentro de nós, tudo o que eu queria agora era um espaço, para deixar isso, mas nunca mais resgatar, pelo ao menos não nessa vida.
Chega de ser tão dramática, é hora de viver a realidade, encarar os medos e as sombras. É hora de tomar atitudes e impor sua personalidade e todas essas "deslinhagens" ficaram para trás, porque eu decidi que quero mudar. Ninguém pode encontrar o meu caminho por mim, ninguém pode dar os passos por mim, então é hora de criar maturidade para persistir, mas não como uma borboleta, isso nunca mais.
Quero voar de outra maneira, sem limites, até sem atmosfera. Quero um novo ciclo para tudo, e é bom começar agora, porque deixar para amanhã é mera preguiça. Você também fez suas escolhas. Não acho que o melhor seja descontar tudo o que outra pessoa te fez com outra do mesmo sangue, mas foi você quem escolheu assim! Tudo o que eu vivi, o que você viveu, nunca se encontrará, estamos em coordenadas diferentes, e agora é tarde demais, ambos já se machucaram muito.
Entretanto ela nunca será o que eu fui para você, ou melhor, o que eu quis ser, e você nunca deixou. Todo mundo pode escolher, e você escolheu, repito. Tudo está sendo processado e deletado, não é essa a melhor linguagem para descrevermos isso? Foi como cortar as unhas, porque quando elas caem ao chão machucam o seu pé, mas você consegue se livrar das lascas facilmente.


domingo, 1 de abril de 2012

Ahh, borboletas!


É uma história tão grande para ser contada aqui. Na verdade nem sei quando ela começou e quando terminou se é que já acabou. Tudo não passava de ilusões, e estas nunca viraram realidade. Também não sei como deixei isso acontecer, eu não queria que fosse assim, mas infelizmente não pude controlar!
Começou bem simples, como se nunca fosse florescer, e agora não é possível expulsar todas as borboletas mais. Os pássaros já sabem exatamente onde construirão seus ninhos, enquanto eu ainda nem escolhi o meu caminho. Tudo fugiu do meu controle e eu tenho medo de decepcionar alguém no meio de tanto conflito.
No que a minha vida se resume, me perdi. Aliás, também não foi tão trágico, posso estar exagerando, mas tenho muito medo, porém tenho muita fé também. Tudo que parecia estar escrito, agora está desencadeado. Toda a forma de percepção está confusa e sonolenta. Nem é tão difícil quanto digo, mas decidir é quase impossível.
Acho que eu deveria abandonar tudo isso e ir atrás dos meus sonhos, mas não posso largar tudo o que levei anos para construir e ir viver um sonho, que durará o tempo de um sonho também. E isso tudo aconteceu logo comigo, que ainda tenho tantas dúvidas sobre qual é o melhor sabor de sorvete... Mas agora é tarde, o que tinha que acontecer já aconteceu e tudo foi longe demais. Pelo ao menos está tudo guardado bem no fundo daquele vazio que existe em mim, está tudo lá, e de lá nunca sairá.
Felicidade é passageira, tristeza também. Faz tempo que não me apego a isso mais, entretanto saber que estou caminhando sozinho por entre caminhos tão inóspitos me deixa confusa às vezes. Não existe ninguém no mundo que poderá mudar isso, mas existe um mundo que poderia me levar para si, e assim transformar tudo isso em lembranças.
Até os intervalos dentro de uma sala já estão me cansando, estou cansada dessa gente que nunca deixará de ser mais um estranho para mim. Eu queria ir para bem longe, talvez os sabiás nem cantassem lá, e os campos nem tivessem tantas flores, mas eu prefiro assim, quero distância dessas borboletas que não param de me perseguir.
Enquanto muita gente sofre com sombras, eu sofro com borboletas! Pode parecer mesquinho da minha parte, mas as sombras são mais a minha cara. A questão é que esse não é o momento propício paraa borboletas. Eu preciso mesmo é de ar, mas só quando eu sair do fundo desse oceano conseguirei respirar novamente.
Enfim, isso nem me afeta tanto mais, porém precisava desabafar, e as palavras sempre me ajudaram a me livrar de qualquer coisa que eu não quisesse mais, e espero que seja assim, que tudo isso se transforme, que essa borboleta volte para seu casulo e que os canários voltem a cantar como antes cantavam toda manhã.

sexta-feira, 2 de março de 2012

"A vida da gente"

     Chega um momento que você aprende! Sim, aprende que tudo que acontece na sua vida é necessário e indispensável, e por isso, você é capaz de enfrentar situações nunca antes imaginadas e se descobre uma pessoa forte, mesmo que a dor pareça pesada demais, um dia ela passará, porque tudo muda, estamos submetidos a uma sequência sucessiva de acontecimentos, cada vez mais drásticos, mais rápidos e menos irreversíveis. Nunca nada será igual, nunca será novamente, para falar a verdade, nem sei se a essa altura da minha vida ainda considero a palavra "novamente". Coisas que eu pensei sentir eternamente, hoje vejo que não são nem importantes para mim, pessoas antes indispensáveis, hoje estão distantes, hábitos que julgava fazer parte da minha personalidade não são mais lembrados.
     Não existe uma dor ou um problema maior que o outro, todos são iguais, a diferença está nas pessoas, que têm uma "medida" para tudo na vida. Sabemos que as coisas não funcionam bem assim, não é porque seu problema seja mais complexo ou demorado que se deve ignorar os problemas alheios. Essa necessidade de ser melhor que o outro o tempo todo acaba destruindo valores, e até mesmo pessoas! A vida nos leva para caminhos diferentes, mas aquilo que foi bom fica para sempre, o amor nunca acaba, mas se transforma.
     Eu nunca me esquecerei dos momentos em que fui feliz, mas também recordarei com orgulho dos momentos difíceis que me fizeram amadurecer e me mostraram o caminho certo. Hoje eu não sei exatamente o que quero, e na verdade, nunca saberei, nem tudo é planejável e muito menos fácil de decidir, entretanto aprendi que tudo é possível, cada problema traz junto uma solução, uma nova maneira de pensar. O que passou, nunca mais voltará, entretanto, outras coisas boas virão, mesmo que demorem...
     Sinceramente, não posso dizer que aproveitei muito a minha vida e que fiz tudo que queria fazer, deixei muita vontade para trás e praticamente nunca agi por impulso. Não me arrependo de nada disso, porque se não fosse assim, não seria eu. A minha vida se resumiu em estudar, nada além disso, e mesmo assim, muita gente não gostou do que viu, não aprovou o que fiz e tem gente que nem reparou. Parte dessas pessoas estiveram comigo e me fizeram enxergar coisas novas, mas muitas desejaram me fazer infeliz e passarem por cima dos meus valores.
     Hoje sei que tudo isso foi preciso para que eu pudesse ser quem sou hoje, tudo me levou a chegar até aqui, e por isso, agora estou tão perdida, talvez tenha perdido essas pessoas que sempre me apararam, e pela segunda vez na vida, tenho que aprender a caminhar, sem o braço de ninguém para me apoiar. Sei que os primeiros passos serão difíceis, mas ao fim da caminhada, tudo compensará!

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Procurar

Vou procurar um paraíso, 
onde só exista eu e a felicidade.
Vou procurar um oceano,
onde só exita eu e seus mares.

Vou procurar um lugar perfeito,
onde só exista eu, e não exista medo.
Vou procurar outra sociedade,
onde só exista eu e também a liberdade.

Vou procurar uma nova nação,
onde só exista eu e um coração.
Vou procurar outro Brasil,
onde exista educação nota mil!


segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Você, Eu, Nós! sem parágrafo e no plural.

Acho que nada vem de graça para ninguém, nem mesmo para aqueles que merecem. Cada dia que passa, sinto algo diferente, surgem novas ideias, novas formas de pensar, e fica difícil expressar tudo, não dá para anotar, para cantar ou transformar, é preciso guardar e ser. Algumas vezes não é nem possível se conduzir a um rumo certo aquilo que se escreve, agora por exemplo, não pensei em nada, tudo o que está escrito aqui foi exatamente aquilo que deu vontade de escrever. A vida é difícil para todos, o que acontece é que muitos não sabem a conduzir, e assim, tomar rumos insertos e acabam num buraco sem fim. Todo mundo já sofreu alguma vez na vida e pensou que nunca iria passar, mas o que é mais impressionante é que passa, basta você deixar que isso aconteça. Não se deve prender a um passado, é bom explorar o futuro e principalmente viver o presente... Um dia de cada vez, tentando planejar o que dá, mas nunca imaginar. Projetos virão e não serão concluídos, mas isso também faz parte, tudo que hoje é luz, amanhã poderá ser sombra, o que não é ruim. Devemos estar aptos a mudanças e novos rumos, a vida nos leva para tantos caminhos que fica impossível prever o que irá acontecer. Tento acompanhar tudo como dá, exatamente aqui tudo está fora de ordem, e é assim também na vida, às vezes paro para pensar: O que eu realmente quero? Não é tão difícil responder, mas quando me pergunto se o que eu quero será alcançado, fico sem respostas. Tudo pode mudar a qualquer instante, um simples telefonema pode trazer outros rumos, seja para sua vida ou seu pensamento, nada será igual, não dá para ser!!! Cada dia que passa penso quantos ainda virão, não me arrependo de nada, errar todo mundo erra, não existe ninguém com um passado perfeito, fizemos aquilo que dava para ser feito, mas também não acredito que errar seja a única forma de se aprender, tem muita coisa pronta e emposta e que deve ser seguida, sendo assim por que contrariar? Justiça é uma incógnita no mundo em que vivemos, podemos tentar mudar, mas não agir antes que ela mude, porque será em vão. Quanta gente já morreu, sofreu e ninguém pagou por isso? A fome ainda existe no mundo e mesmo assim, futebol e carnaval continuam sendo prioridade. Precisamos de cultura e não política do Pão e Circo. Um mundo justo é aquele em que todos se respeitam, coisa que nunca existirá, não adianta, porque somos diferentes e por incrível que pareça, o mau sempre estará presente em qualquer lugar. Aqueles que são julgados malfeitores  devem pagar por seus erros, o que não o reverterá, mas isso foi impregnado. Penso que seja interessante também compartilhar esse tipo de ideia com outras pessoas, em algum lugar do mundo existirá alguém que se encontre nessas ideias. Um simples exemplo é  o meu blog, já tive interesses comerciais sobre ele, mas vi que não vale a pena! É muito melhor você ter um público pequeno, quase escasso do que ser obrigado a escrever aquilo que a "mídia" quer que você escreva. Escrever aquilo que todo mundo pensa e sabe não é necessário. Muita gente fala que não tem paciência para ler meus textos, tudo bem, então esse não é tipo de blog para você, o meu objetivo é esse aqui, tudo que tenho postado até hoje é de interesse exclusivamente meu, e sei que tem pessoas que gostam. Eu gosto disso, e ninguém poderá mudar. Blogs para maquiagens, esmaltes e penteados já são mais de 10% na internet, é preciso ter algo diferente para atingir todos os tipos de público. Na sociedade em que vivo, muitas vezes me sinto excluída, porque estou cansada daquilo que é habitual, quero algo diferente, inovador! Mesquinharias não fazem parte da minha vida e por isso tento me distanciar ao máximo. Tudo tem um limite, inclusive a bondade do ser humano. Uma coisa é você ajudar, outra é carregar e fazer tudo pela pessoa. Todos somos capazes, entendam isso. Não existem pessoas burras, existem pessoas acomodadas e também não adianta você tentar ser aquilo que não é, cada um tem uma vocação, você não é obrigado a estudar, desde que não atrapalhe quem queira também. Você não é obrigado a ser feliz, e nem por isso deverá atrapalhar a felicidade alheia, certo? Estou cansada de gente assim, que quer as coisas dos outros e feita pelos outros, aprendam a construir suas próprias vidas, não deixem que outras pessoas façam isso por você. O mundo não vai acabar porque você é diferente, hoje isso é mais normal do que seguir tendências comuns. Seja você, viva você e entenda você. 

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Assim...

     Já é tarde, talvez já deveria estar na cama, no entanto, estou aqui refletindo sobre coisas toscas, mas inexplicáveis! Sabia que por um momento eu tive a certeza de que apenas a dor me inspira? Mas agora já não sei mais, porque estou escrevendo este texto, que talvez seja um dos piores, mas ao mesmo tempo é um dos mais grandiosos, porque ele é diferente, parece esse tipo de literatura contada em romance. Não sei nem com quais palavras prosseguir, mas tenho que registar esse momento súbito de minha "inspiração", se é que posso chamar assim... O que estará acontecendo? Será uma nova fase da minha escrita ou apenas um delírio de alguém que já está prestes a fechar os olhos, mas a luz de fundo de um computador não deixa que isso ocorra.
     Além disso, neste momento estou ouvindo minha cantora favorita, o que me faz questionar mais ainda! Se a inspiração viesse de uma dor, todos os artistas seriam infelizes todos os dias e isso, creio eu, não é possível. Mesmo assim eu não perco a esperança, até o fim deste texto pretendo chegar a uma conclusão sobre tudo isso. 
    Houve momentos em minha vida que pensei estar tudo perdido, e só hoje vejo o quanto me enganei! Tudo que eu esperava, mas não imaginava, se realizou de forma inacreditável, ou melhor ainda, surpreendente! Aprendi tanta coisa, e vejo que grande parte dessa mudança esteve presente no meu blog. Ainda me lembro das primeiras postagens, com um layout cheio de bolinhas laranjadas, azuis e verdes, e eu tinha certeza de que eram minha cara. E eram. Entretanto, eu mudei, e comigo, o layout também mudou. Mas não foram só as aparências, o conteúdo também ficou cada vez mais exigente, aberto e até mesmo criativo. Nunca contei muito com a colaboração de leitores, porque ainda não encontrei muitos, mas sempre que divulgo alguma postagem nova, fecho o blog com mais de trinta visualizações, e isso para mim é suficiente, aliás, acima de tudo o meu blog é pessoal, sendo assim, é impossível exigir que todos gostem daquilo que eu sinto e escrevo aqui.
     Mas para não fugir muito do assunto, eu vivi momentos intensos e todos eles foram compartilhados aqui. Se alguém quiser me conhecer, saber da minha história, estará tudo aqui, em um simples link perdido na internet, que já falou de amor, criticou os Estados Unidos, difamou a Rede Globo e foi totalmente contra as leis SOPA e PIPA (assuntos temáticos desse último mês), e ainda assim, os maiores índices de postagens foi sobre a dor que eu sentia, porque rendeu poemas, desenho, dissertações, e milhares de outros gêneros da arte.
     Não me considero uma autora, mas acredito que crio arte, pois tudo que envolve sentimento é arte!!! Além disso, fui privilegiada por gostar de Filosofia e Sociologia também, o que combinou perfeitamente com o bom Português. Isso também esteve em alta aqui no blog, sempre deixei minha opinião bem explícita, porque sou uma pessoa muito aberta, não pretendo iludir ninguém, e por isso, também não quero que ninguém venha me dizer que eu a decepcionei.
     Sendo assim, creio que consegui concluir uma das minhas maiores dúvidas, a inspiração vem de momentos assim, inesperados, com dor ou sem dor, com tema ou sem tema, com raiva ou sem raiva, mas sempre com emoção.


Um Mundo de Sonhos: Promoção "Silêncio"

Um Mundo de Sonhos: Promoção "Silêncio": Em parceria com a Editora Intrínseca tem promoção de "Silêncio" (todos comemoram)! Para participar é facinho e como eu sou legal tem vár...

Se eu fosse a Shakira...

Como todos fãs de Shakira sabem, essa semana foi aniversário da nossa diva, mais precisamente, dia 02 de fevereiro. A cantora colombiana completou seus 35 anos, e por coincidência, no mesmo dia seu namorado completava 25 anos.
Desde os nove anos de idade, venho acompanhando o trabalho dela, a admiro por muitos motivos, sua voz, dança, seriedade, comprometimento, composições, além de seus trabalhos sociais. Shakira tem uma fundação que garante a crianças carentes educação de qualidade, destinou todos os lucros de "Waka, Waka" (canção tema da Copa do Mundo de Futebol 2010), além de ser membro da Comissão Consultiva de Educação, nos Estados Unidos.
Hoje, vou selecionar algumas músicas que gostaria de ver em um show dela, como se fosse a playlist de um show.

1- She wolf/ Why wait
2- Loca
3- Did it again
4- Something
5- Inevitable
6- Octavo Dia
7- Underneath your clothes
8- Sombra de ti
9- Waka, Waka
8- Hips don't lie
9- La tortura
10- Whenever, Wherever
11- La pared
12- Pies descalzos, sueños blancos
13- Devoción
14 - Un poco de amor
15- No creo
16- Donde estan los ladrones?
17- Ojos asi
18 - Estoy aqui
19- Timor


Para maiores informações, consulte o fã-site brasileiro shakira-brasil.com ou o próprio site da cantora www.shakira.com .

sábado, 21 de janeiro de 2012

Vale tudo na guerra, inclusive na guerra virtual!

Nesta manhã, os fãs da cantora Paula Fernandes se depararam com esta imagem ao abrirem o site da cantora:


Se preparem! Porque agora tudo estará valendo até o fim da maior guerra virtual de todos os tempos!

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Diga não à CENSURA!

Não dá para ficar calada em um momento como este! Aliás, estamos reféns de uma censura inadmissível em pelo século XXI. Mais uma vez os EUA querem nos dominar, mas não podemos deixar que um país que se diz contra a ditadura comece agora com um comportamento totalmente autoritário que quer calar a nossa boca!
Entretanto, eu espero que todos os internautas nos apoiem neste momento e divulguem, de qualquer forma, essa campanha. O poder também está nas suas mãos, faça sua parte!


Assinem esta petição: http://www.avaaz.org/po/save_the_internet_action_center_b/?vl


Para você entender melhor o que é o SOPA, os Anonymous SOPA e muito mais neste  vídeo:



Nestes links, você poderá acessar as últimas notícias sobre o movimento SOPA e PIPA:










quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Desconheço

E se a vida mudar a história? Para onde iremos? Até hoje todos nós temos sonhos e esperamos realizá-los, para isso lutamos, perdemos e ganhamos muitas coisas, seria justo que tudo aquilo que planejamos uma vida inteira seja despedaçado e nuca mais sonhado? Será que realmente sabemos fazer as escolhas certas ou isso é apenas uma ilusão? Quando alcançaremos a verdade?
A vida é mesmo complexa, mas será que isso é justo com nós seres humanos? Por que temos que enfrentar tantos obstáculos, se todos teremos o mesmo fim, a morte? Não somos melhores que ninguém, muito menos superiores, mas somos todos diferentes, cada um de nós viveu uma história, e cada um pode contá-la da forma que quiser.
Nem sempre poderemos realizar os nossos sonhos, mas nem por isso devemos abandoná-los. Eles fazem parte de nossa vida, porque passamos parte dela tentando concretizar essas ideias, que muitas vezes, não passam de meras fantasias. Mas então, por que perder tanto tempo com coisas que podem não trazer nada para nós? A razão é exatamente essa! "Podem não trazer", assim como podem trazer. Não tem como adivinhar, porém temos esperança, e basta acreditar nela, para que pelo ao menos a decepção seja um pouco menor.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Há tanto tempo

Faz tanto tempo que eu não escrevo, que talvez tenha até perdido um pouco da essência do blog, mas acredito que não, e caso isso tenha acontecido, me esforçarei ao máximo para não deixar a desejar mais ainda. Talvez por falta de inspiração ou por falta de tempo, tenha me esquecido de fazer uma das coisas que eu mais gosto, que é escrever. Amo as letras, as palavras, os significados e os sons... Tudo isso é tão infinito e tão diversificado que pode expressar tudo que existe nesse mundo.
Nesse tempo longe daqui, muita coisa aconteceu, descobri que amigos vão embora, e nem por isso deixam de ser amigos, outros se transformam e já não conseguem mais conviver e ainda existem aqueles que não eram amigos, nunca foram, não são e nem serão. Descobri também que muitas pessoas usam máscaras, porque não são corajosas o suficiente para admitirem ser quem são, e por isso precisam disfarçar, mas é aí que você aprende que elas são insignificantes em sua vida, não fazem falta e nem acrescentam nada na sua bagagem.
Dois mil e onze foi um ano difícil, porque tive que ultrapassar muitas barreiras com pouca força, mas graças a Deus consegui vencer tudo isso, e hoje percebo o quanto cresci naquele ano. Percebi o quanto eu amadureci, criei valores e metas para uma vida toda.
Além disso, hoje estou junto de quem eu queria, tenho um namorado incrível, que além de ser namorado, é um amigo, ou melhor, um grande amigo. Ele me faz feliz e me mostra o lado bom da vida, e isso já é o suficiente. E com ele vieram sogra, sogro e cunhados, cada um mais maravilhoso que o outro!
Para dois mil e doze, eu espero muita paz e objetivos alcançados, porque me esforçarei mais ainda para ter aquilo que quero. Ano passado alcancei o que queria, mas ainda ficou muita coisa para trás.
Desejo a todos vocês muita paz, saúde e felicidade!

FELIZ 2012!